14 98209.7951 TIM/WhatsApp [email protected]
Escolha uma Página

Guia Completo Para Marcar Sua Presença Online em 2018

Veja aqui tudo que está envolvido para se destacar na internet tendo seu próprio site ou uma loja virtual.

Se desejar, peça uma consultoria web gratuita para que você possa saber qual é a melhor estratégia para usar no mundo online. Não importa se é uma empresa, um empreendedor ou um profissional liberal, estar bem apresentado na internet é melhor coisa que deve ser feita em nossa época, nessa era digital.
Sites para empresas como eletrônicas, comunicação visual, marketing, publicidade, hospedagem, restaurantes, padarias, lanchonetes, aluguel de tendas, imobiliárias, metalúrgicas, marcenarias, etc, estamos preparados para te atender.
Escrivaninha com computador, tablet e notebook conectados na internet

Por que investir em uma estrutura na WEB?

Hoje em dia a primeira coisa que é feita quando se monta uma empresa é criar uma página nas redes sociais, mas as páginas das redes sociais limitam muito a apresentação de sua empresa na internet. Se você quer ter uma boa apresentação online de seu negócio, a melhor opção é ter um site. Este tipo de site é chamado de institucional. Com ele você vai poder dar mais detalhes de tudo que você faz em uma ordem lógica e de fácil localização do conteúdo. Fica muito mais fácil para os seus clientes acharem informações de localização e de contato e torna mais prático o relacionamento de sua empresa com seus clientes usando canais de atendimento, como um chat online e formulários de contato, por exemplo.

Algo mais interessante de se ter um site para sua empresa é que vai ficar mais fácil outros encontrarem você quando digitarem no Google o nome de sua empresa, do seu ramo de atuação ou de um produto que você produz ou vende. Isso é feito com otimização do site para buscas orgânicas. Será necessário possuir um domínio e uma hospedagem.

Invista em um site, você não vai se arrepender! Você pode escolher mais abaixo o tipo que seria mais prático para você. Vamos começar pelo domínio.

Pode contar com a gente para te ajudar!

Registro do Domínio

Para que você tenha um site é necessário registrar um domínio, que é como você ter um RG na internet, se tornando um cidadão da web, por assim dizer. Daí você vai poder atuar legalmente na internet e fica mais fácil para que seus clientes possam te encontrar. Para registrar um domínio basta escolher um nome simples, fácil de ser memorizado e que seja uma marca e não uma palavra chave. Pode-se usar uma sigla, uma junção de nomes. A Sodiê Doces é um exemplo disso, o nome é a junção dos nomes dos filhos do casal. Basta apenas um nome ou uma marca e um bom trabalho de seo e de marketing para que você seja ranqueado e possa ganhar da concorrência.

Fuja de conselhos que dizem que você tem que ter vários domínios registrados para poder ser ranqueado nas buscas ou impedir que seus concorrentes atuem.

Isso na realidade não tem lógica, é perda de recursos e de tempo. Você precisa apenas de um domínio para cumprir bem seu papel na web. Casos raros em que se precisa mais de um. Por exemplo, empresas como a Antarctica (antarctica.com.br), é uma empresa que tem uma grande linha de bebidas e tem algumas que ela quer destacar como a Guaraná que passou a ser uma marca e não apenas um produto, então criou o domínio guaranaantarctica.com.br para poder passar mais informações sobre esse produto específico e interagir com o público, colocando informações mais completas e de maneira mais lógica. Ficaria muito complexo fazer isso usando o site principal da empresa. Nesses casos específicos um segundo domínio é justificado. Um domínio sem conteúdo não serve pra nada! Se for atuar apenas na sua região ou só no Brasil, faça o registro aqui mesmo no Brasil utilizando a terminação .br.  Não há necessidade de registrar o domínio .com. Falando em região, já foram disponibilizados domínios para quem vai trabalhar apenas na cidade que mora ou atua como www.dominio.campinas.br. Ainda não tem de todas as cidades apenas de algumas.  Existem terminações para profissionais liberais também, como fisioterapeutas por exemplo:  www.seunome.fst.br. Para registrar um domínio aqui no Brasil o melhor lugar é o Registro BR. Agora se você vai atuar em outros países, não só o Brasil, registrar o .com seria mais interessante. Para o registro desse tipo de domínio, pode conhecer uma empresa que usamos, a Dotster. Esse tipo de registro é mais complexo porque muitas vezes se precisa de um cartão de crédito internacional e quando precisa de alguma orientação ou ajuda, saber o inglês é necessário. Podemos te ajudar nesse sentido. Depois de registrar o domíno o próximo passo é a hospedagem. Se desejar, entre em contato que iremos te orientar ou te ajudar nessa empreitada.

 

Saiba como fazer o registro.

Registrando Corretamente o Domínio

Sempre que for registrar um domínio alguns detalhes técnicos são necessários saber. Abaixo, veja como deve ficar quando o registro é feito da maneira correta.

owner-c: MJDSA169 – ID do dono do site

admin-c: MJDSA169 – ID do dono do site

tech-c: SIOUR – ID do responsável pela montagem e administração ou hospedagem do site.

billing-c: MJDSA169 – ID do dono do site

Informações extras:

Owner-c: Dono

Admin-c: O administrador, normalmente é o dono.

Tech-c: O técnico responsável que pode ser o webdesigner, a agência, o TI da empresa ou quem está hospedando o site.

Billing-c: Cobrança, normalmente é o dono.

Atenção! O que normalmente acontece é que quando outro registra o domínio para você, ele acaba colocando tudo no ID dele e depois quando você precisa fazer qualquer alteração, migrar o site, etc, dá o maior transtorno.  Já teve casos de ter que esperar o domínio vencer, esperar o Registro Br liberar e depois registrar novamente, porque quem fez o registro fez da maneira errada e não se conseguia mais achar ele. Isso é prejuízo na certa! Por isso, sempre que for passar para alguém registrar o domínio para você, primeiro ele tem que criar uma conta com os seus dados ou os dados da empresa. Com essa conta você vai receber um ID de registro. Na hora de registrar o domínio deve ser registrado com o seu ID ou da sua empresa e deve ficar da seguinte maneira:

owner-c: Seu ID ou de sua empresa

admin-c: Seu ID ou de sua empresa

tech-c: ID de quem vai administrar, hospedar ou montar o site.

billing-c: Seu ID ou de sua empresa.

Registrando dessa maneira você nunca vai ter dores de cabeça.

Atente! Na sua conta do Registro Br coloque sempre um e-mail de contato que você tem certeza que nunca vai deixar de utilizá-lo porque você vai depender dele para recuperar a senha da conta caso a perca.

Cuidado com os Golpes de Registro de Domínios

Boleto de golpista recebido pelos correios
Após registrar o domínio tome cuidado com e-mais ou cartas que chegam pelo correio pedindo para renovar o domínio. Veja a imagem. Foi um cliente que recebeu e pagou e depois descobriu que não era do Registro Br, perdendo o dinheiro. Muitos já fizeram pagamentos e depois descobriram que se tratava de golpe. Pergunte sempre pra gente se o e-mail ou a correspondência é válida. Com o tempo você já vai saber identificar.

Hospedando seu site ou loja virtual

Para que os dados do site ou loja online sejam acessados é necessário que eles estejam armazenados em algum local na internet. Isso se chama hospedagem. Veja abaixo mais detalhes.

Servidor de Hospedagem – WEB HOST

Um servidor nada mais é que um computador onde ficam armazenados os dados do seu site ou loja virtual e que são acessados remotamente através da internet. Fica inviável ter um na sua prórpia empresa porque os custos são altos e tem que ter uma pessoa especializada para essa função para montar, instalar o sistema operacional específico para servidores, configurar e monitorar. Sem contar que você teria que ter equipamentos adicionais caso falte energia ou caso um pife, etc. Por isso, alugar um espaço em um servidor de hospedagem é a melhor opção hoje em dia, pois você não precisa se preocupar com nada, e sim, apenas com seu negócio. Eles já possuem equipes de monitoramento 24 horas por dia, estrutura para para backups de conteúdo, equipamentos de ponta e tudo mais.

O que um servidor tem que oferecer?

Muitos para atrair clientes usam o bordão de que é ilimitado o espaço e tudo mais. Isso não existe, tudo tem e deve ter limite. Eles falam isso porque raramente alguém usa todo o espaço do plano adquirido. Mas quem ultrapassa eles entram em contato para poder oferecer mais recursos.

Segurança dos dados

Isso é muito relativo, porque se você coloca uma programção insegura ou desatualizada dentro do seu domínio, ou não tem cuidado com suas senhas, é lógico que não existe servidor que possa impedir que um hacker acesse esses dados. Mas no servidor como um todo eles se comprometem a manter seguro, ou seja, eles não vão deixar ninguém acessar seus dados usando o próprio servidor.

Estabilidade

Isto quer dizer o tempo que seu site fica ativo. A maioria dos servidores prometem 99% de UPTIME. Isso significa que em um ano por volta de 3 dias o site poderia ficar fora do ar. Calma, não vai ficar 3 dias direto fora. O bons servidores estão sempre fazendo manutenções e isso à vezes faz com que o site fique fora do ar por alguns instantes. Esse serviço eles fazem sempre de madrugada. Ou pode ser que realmente acontece algum incidente, então leva-se um tempo até corrigir. Somando tudo isso, em um ano pode ficar até uns 3 dias sem atividade. E isso é razoável. Para termos algo com 100% de UPTIME, requer contratar um serviço mais especializado, o que é muito caro e não é viável para a maioria dos casos.

O que é Hospedagem nas nuvens – Cloud Server?

Não, não tem nenhum servidor nas nuvens, é apenas uma maneira de dizer que seus dados vão ser acessados remotamente de qualquer lugar. Essa expressão é mais usada para empresas e pessoas que não armazenam mais seus dados em computadores dentro da empresa ou em casa, mas que contratam serviço de hospedagem para guardar seus dados e acessar de onde tiver e de qualquer aparelho que tiver usando. Mesmo assim os seus dados ficam dentro de HDs em servidores nos Datacenters ou Empresas de Hospedagem.

Que tipos de Hospedagem exitem?

Gratuita

Existem algumas empresas que hospedam gratuitamente, no entanto, existe limite do que você pode hospedar e limite de acesso, impedindo o seu crescimento. Normalmente essas empresas quando tem que aumentar o plano eles recuperam tudo o que perderam por não cobrar, pois os planos são caros. No plano gratuito, você usa o domínio deles e não o seu.

Compartilhada

Essa é o que a maioria dos sites usam. É como se tivesse um servidor em sua empresa e todos os funcionarios usasem ele para guardar seus dados e para acessarem ele remotamente. Esse computador então teria que dar conta se todos eles tentassem acessar ao mesmo tempo os dados. Assim acontece com a hospedagem compartilhada. Vários sites são colocados no mesmo servidor. Normalmente para a maioria das empresas esse tipo de serviço funciona bem, mas se precisar de mais recursos ou porque seu site está recebendo muitos acessos ou sua loja virtual está começando a bombar, então a próxima opção pode ser interessante.

Semi Compartilhada

Neste caso é parecido à comprtilhada só com menos sites usando o mesmo servidor. Sobrando mais recursos para todos, tanto de espaço como de capacidade de processamento.

Reservada

A reservada é quando você contrata um servidor só para você. Não é barato esse serviço, mas para algumas empresas é extremente necessário que isso seja feito, pois como já foi dito ter um servidor na própria empresa se torna inviável hoje em dia.

Planos de Hospedagem

Existem vários planos de hospedagem que podem atender suas necessidades. Vai depender do que você realmente precisa. Analisando as suas necessidades se contrata o plano ideal para seu empreendimento online. Veja três exemplos.

Agora que escolheu onde e como vai ser sua hospedagem, vamos para a montagem de seu site ou loja virtual.

Montando o Seu Site ou a Sua Loja Virtual

A montagem do site ou da loja online se dá de várias maneiras. Veja quatro delas.

1º – Você mesmo monta

Alguns preferem eles mesmos fazer todo o trabalho de montagem do site usando construtores online de sites ou usando algumas plataformas que disponibilizam alguma ferramenta nesse sentido. É interessante falar dos prós e contras de se fazer isso.

Prós

Você vai economizar uma grana e vai aprender um pouco como funciona criar págians web.

Contras

Para que se faça um bom trabalho não basta ter disposição, é necessário ter muito conhecimento para poder criar um layout condizente com seu seguimento, saber os tipos corretos de cores e fontes usar, saber editar as imagens para que não sobrecarreguem o carregamento do site, saber trabalhar bem os códigos para que sejam bem interpretados pelos motores de busca, caso contrário não vai ser apresentado o conteúdo. Por falta de tempo e de domínio correto das ferramentas usadas você não vai conseguir criar uma apresentação ideal para o seu negócio. Sem contar que vai ser uma preocupação a mais para sua mente que já vai estar atarefada estabelecendo metas, atendendo clientes, gerindo o emprendimento, etc. Por isso embora pareça ser vantajoso você mesmo(a) fazer esse trabalho, recomendamos que se contrate um profissional ou uma agência.

2º – Contratando um Freelancer

Prós

O serviço de um freelancer é um dos mais baratos. Muitos que estão começando a aprender a trabalhar nesta profissão acabam cobrando bem barato dos primeiros clientes para pegar experiência e ter um portifólio para apresentar. Outra vantagem é que é mais fácil de conseguir um, normalmente eles irão até você pelo fato de não serem conhecidos na região que atuam.

Contras

Por falta de experiência, muitas vezes entregam um trabalho que não atendem bem às suas necessidades. Não por eles não quererem fazer, mas por não ter ainda o conhecimento adequado acabam não conseguindo enxergar ou entender o que você realmente precisa. Outro detalhe é que ele ou ela ainda não dominam bem as ferramentas ou as tecnologias necessárias pra criar um bom projeto. Terceiro fator se refere à permanência deles no mercado. Como eles estão começando muitas vezes acabam desanimando ou correndo atrás de um emprego remunerado e você acaba ficando na mão, tendo que correr atrás de outro freelancer para que possa te atender. Aí o outro acaba tendo que refazer todo o serviço novamente, ou seja você paga duas vezes pelo mesmo serviço e não tem garantia que vai agora ter um trabalho que vai te satisfazer. Também pode ser que tenha experiência mas tem um emprego fixo e presta esse serviço apenas nas horas vagas, o que vai complicar o prazo de entrega e te dar a devida atenção.

3º – Contratando uma Agência

Prós Eles tem uma equipe completa para fazer tudo o que precisa. Possuem na equipe um programador, um designer gráfico, citando alguns deles. Com a equipe à disposição acabam conseguindo entregar um serviço completo.

Contras

O valor. Como eles pagam aluguel de um ponto bem localizado, tem que pagar salários para os funcionários, investir em publicidade, investir em assinaturas de ferramentas para poder entregar um serviço completo, eles são obrigados a imbutir todos esses custos no valor do projeto. Para a grande maioria dos casos trabalhar com uma agência acaba sendo inviável por causa do retorno que você vai ter com o site. Compensa investir numa agência se realmente o site ou loja virtual vai te trazer um retorno surpreendente que vai dar para custear em tempo ágil o gasto com o desenvolvimento e vai te trazer uma boa renda mensal. Caso contrário a próxima opção é a ideal.

4º – Contratando um Profissional

Este é o meio termo entre um freelancer e uma agência. Vai funcionar bem na grande maioria dos casos.

Prós

Ele é um profissional, e como profissional vai ter competência para enxergar suas reais necessidades e adaptar o projeto a elas. Ele está sempre se atualizando, investindo em cursos e ferramentas para melhorar cada vez mais o seu trabalho. Ele  já está estabilizado no mercado não correndo o risco de te deixar na mão. Ele vive disso, por isso vai ter dar uma atenção personalizada e vai ser mais ágil na entrega do projeto. O valor que cobrará vai ser um valor justo, porque ele não tem muitos gastos mensais com aluguéis, funcionários, etc. Já trabalha na área a alguns anos podendo mostrar pra você clientes que estão sendo bem cuidados por ele. Já tem experiência necessária pra decidir ou recomendar onde hospedar o projeto na web. Possui um bom network ( tem parceiros na internet ) que trabalham em diversas áreas que o podem auxiliar quando ele precisa de algo mais complexo. Como ninguém é bom em todas as áreas isso é indispensável, se tratando de internet.

Contras

Ele não vai conseguir atender em todos os aspectos que vai precisar, por exemplo, se precisar fazer uma campanha de e-mail marketing, campanhas pagas como Google Adwords ou Facebook Ads, divulgação nas redes sociais, às vezes vai ser necessário a ação de outro profissional, pois ele não vai ter tempo pra fazer tudo isso.

Recomendações

Se você precisa de algo provisório, um freelancer pode ser o ideal. Se você quer ter uma boa apresentação, de algo bem estruturado, apresentável e de ajuda na manutenção do site, neste caso é recomendável um profissional. Agora se você quer bombar na internet, quer um serviço completo como ajuda na divulgação da marca, ajuda no atendimento dos clientes e fazer campanhas publicitárias na rede, você vai precisar do serviço de uma agência que possue pacotes nesse sentido.

Tipos de Sites

Estáticos

Como o nome já diz, são informações da empresa que não serão alteradas tão cedo. Este tipo é o que a maioria das empresas possue. São coletadas todas as informações da empresa, dos serviços e produtos, o que incluem textos, fotos, dados de contato e então é criado um layout contendo todas essas informações e publicado na internet.

Dinâmicos

Se você tem um empresa que está em constante transformação, tem sempre algo novo para apresentar, então o conteúdo do seu site também precisará ser alterado constantemente. Neste caso o do tipo dinâmico será ideal para você. O processo de criação é o mesmo do estático, mas você vai ter mais autonomia para fazer qualquer alteração necessária e quantas vezes quiser na apresentação online de sua empresa. Tem um painel administrativo para você incluir, editar e excluir as informações contidas nele.

Blogs

Se você é do tipo de pessoa que gosta de passar dicas para seus clientes sobre a utilização de seus produtos, ou como preservar o serviço que prestou pra eles, deixar eles a par das novidades do mercado no seu ramo de atuação, o Blog é ideal para você. Com ele você vai ter o teu site institucional e ao mesmo tempo usá-lo para ter um relacionamento mais dinâmico com seu público. Assim teus clientes além de comprar seus produtos ou serviços vão querer aprender com você. Passando informações precisas pra eles você se torna uma referência, uma autoridade no seu seguimento fazendo com que o seus clientes defendam sua marca e te divulguem.

Imagem da página inicial do site BM Mix

Lojas Virtuais

Montamos para você uma loja online completa, com todos os recursos necessários para o bom andamento do seu negócio. Uma loja virtual hoje em dia requer:

  • Uma administração fácil de usar
  • Integração com as redes sociais
  • Facilidade para cadastrar os produtos incluindo suas variações e atributos
  • Trabalhar com qualquer forma de pagamento
  • Ter qualquer forma de envio
  • Ter um chat
  • Ser responsivo
  • Carregamento rápido
  • Boa indexação nos motores de busca
  • Estar numa plataforma robusta e ágil

Formas de Pagamento

Existem várias formas de pagamento hoje que são eficazes. O que está atrapalhando são as altas taxas cobradas por elas, ainda mais na grande competividade que tem no mercado hoje. 

Métodos de Envio

Hoje você consegue enviar seus produtos para qualquer parte do país ou do mundo. As formas mais usadas são so Correios e as transportadoras. Dependendo o volume de entrega um contrato com ambos baixaria os custos de envio aumentando os seus lucros ou usando isso como estratégia para ganhar mais clientes. Para usar esses métodos basta fazer as devidas configurações na plataforma da loja online.

Integração com Redes Sociais

Algo a se considerar é quantas redes sociais você deve postar. Tudo vai depender do seu seguimento e do público alvo. Querer postar em todas as redes sociais que existem é contraproducente. Tem que avaliar bem onde está teu público alvo e em qual rede o teu seguimento é mais aceito. Vendo esses detalhes vai descobrir que você pode usar poucas redes sociais para conseguir atingir suas metas. A loja virtual Bm Mix é um exemplo de tudo citado acima. Ela adaptou a loja para seus produtos e público alvo. Faça uma visita e comprove.

Agora que montou o site ou a loja online, como aparecer nos resultados de buscas?

Você pode fazer isso de duas maneiras: A forma paga e a orgânica. Orgânica é o que todos esperam conseguir, é quando isso acontece naturalmente, o seu site começa a aparecer nos resultados de modo natural, sem ter que pagar. A paga você tem que investir nas ferramentas que o Google oferece e dependendo do quanto você investe, melhor é o posicionamento.

Estratégias SEO Para Buscas Orgânicas

Aparecer na primeira página do Google ou nas primeiras colocações é algo que se requer a aplicação de várias ações interligadas como o conteúdo do site, a maneira como se faz a interação interna do conteúdo (os links), como é feita a divulgação na internet e assim por diante. Quando se faz um bom projeto SEO para que haja um ranqueamento do site nas buscas orgânicas você vai acabar tendo mais visitas e automaticamente mais clientes e é justamente isso que se espera ao ter um site. Com bom planejamento, bom conteúdo, boa estratégia SEO e profissionais habilitados, pode ter certeza que você vai conseguir brigar com os grandes.

Tablet com a página inicial do Google para pesquisas

Como deve ser feita a divulgação na internet?

Mulher navegando nas redes sociais pelo celular

Campanhas em Redes Sociais

Caso queira que sua marca, produtos ou serviços sejam bem divulgadas nas redes sociais pode contar com a gente. Como as redes sociais são onde se encontram a maioria das pessoas e toda empresa ou prestador de serviço usa elas para poder vender seu peixe, fica cada vez mais difícil ser visualizado nelas por causa de milhares de postagens diárias, fica impossível para seus clientes acompanharem as postagens que você faz normalmente na sua página. E que dizer de quem não te conhece, seria muito mais complicado você alcançá-los. É por isso que se fazem campanhas nas redes sociais para poder então conseguir alcançar tais clientes ou potenciais clientes. Entre em contato para podermos explicar melhor como ter sucesso com uma boa campanha.

Compartilhe